seat_belt_plane_istock

COMO ACONTECEM AS TURBULÊNCIAS DE AVIÃO E POR QUE VOCÊ NÃO DEVE SE ASSUSTAR COM ELAS

Um dos maiores medos de quem viaja de avião sem dúvidas é a turbulência. Mas elas fazem com que aviões caiam? Baseado no Livro do piloto Patrick Smith, Cockpit Confidential: Everything You Need to Know About Air Travel: Questions, Answers, and Reflections, o site Giz Modo Brasil respondeu a esta e algumas outras perguntas, conta suas experiências além de dar algumas dicas para não se preocupar enquanto o avião em que viaja passa por turbulências.

Através de relatos da sua carreira de piloto, Patrick Smith explica e tranquiliza os leitores sobre como ocorrem, como lidava durante seu trabalho e porque os passageiros não devem se preocupar com elas. Salvo algumas exceções, as turbulências não são tão ameaçadoras.

Geralmente causam preocupação e um certo desconforto, isso faz todo sentido levando em consideração uma altura de 37.000 pés de altitude. Embora seja uma situação desconfortável, não há motivo para ter medo, pois dificilmente um avião irá cair, eles são construídos para suportar movimentos bem bruscos e na maior parte das vezes as trepidações ocorrem por uma busca de altitude para melhores condições de voos.

Uma dica, e talvez a mais simples seja: apenas relaxar! Além disso para minimizar o desconforto, ele ainda cita uma sugestão: buscar os assentos próximos as asas do avião é uma boa opção pois é o centro de sustentação da aeronave.

As turbulências são algo comum no trabalho de um piloto, é interpretada muito mais como uma situação de conveniência do que relacionada a segurança. Um piloto certamente saberá o que fazer e tomar a decisão mais adequada.

Leia o artigo adaptado do livro na Íntegra no site Giz Modo Brasil.

Nenhuma mensagem

Deixe uma mensagem

AINDA TEM DÚVIDA?

Fale agora conosco,
Help Center ininterrupto 24 horas todos os dias!

Nextel
55 11 94038-7799
Nextel
55 11-7872-4783
Whatsapp
55 11 94038-7799

CLIQUE AQUI E FAÇA SUA COTAÇÃO

COMO ACONTECEM AS TURBULÊNCIAS DE AVIÃO E POR QUE VOCÊ NÃO DEVE SE ASSUSTAR COM ELAS - 1132